A doação de sêmen é um ato altruísta de amor e solidariedade que é regulamentado no Brasil pela Legislação. Pode ser doador voluntário e anônimo o homem entre 18 e 50 anos, que esteja com a saúde em dia. O procedimento ocorre em um banco de sêmen e não pode envolver nenhum tipo de pagamento. O doador ainda assinará um termo abrindo mão de direitos e responsabilidades com a criança.

Após a coleta, o material passa por vários exames, incluindo testes genéticos. As amostras são congeladas por seis meses e posteriormente ficam à disposição de interessados no procedimento de fertilização com o sêmen doado.

A doação de sêmen pode ser utilizada por casais que pretendem engravidar mas que sofrem com a infertilidade masculina, mulheres sem parceiro masculino, casais homoafetivos etc.

Tem dúvidas sobre este tratamento?

O CITI Hinode pode lhe ajudar. Entre em contato e agende uma consulta.